Asset 12 Asset 10 Asset 15 Asset 15 autodesk_icon_font_04_06_16_kl Asset 11 autodesk_icon_font_04_06_16_kl autodesk_icon_font_1_18_17_start_over-01

Keyboard ALT + g to toggle grid overlay

Projetando guitarras – e uma nova carreira – com o AutoCAD

guitar-story
Jort Heijen segurando uma de suas criações. Cortesia da Red Layer Guitars.

Quando adolescente, Jort Heijen começou a construir guitarras com seu pai na garagem de casa. No início, apenas desmontavam guitarras antigas e trocavam as peças. Porém, com o passar do tempo, começaram a ficar curiosos a respeito da construção do corpo da guitarra. A partir de então, Heijen passou a se dedicar constantemente à montagem e construção de guitarras, tudo feito à mão.

Trabalhando com consertos e vendas de bicicletas em uma loja na Holanda, Heijen logo percebeu que isso não era exatamente o que queria fazer pelo resto de sua vida. Construir guitarras era sua grande paixão. Então, aos 24 anos, largou o emprego, vendeu o carro, foi para Amsterdã e se matriculou em um dos cursos de quatro anos da Hout- en Meubileringscollege, uma escola profissionalizante de carpintaria.

Lá, Heijen aprendeu a usar o AutoCAD, motivado pela compra de sua primeira máquina CNC para cortar madeira, já pensando nas guitarras que criaria. Depois de trabalhar à mão por vários anos, o AutoCAD abriu para ele um mundo de possibilidades totalmente novas.

"Quando começo a trabalhar em um projeto de guitarra no AutoCAD, não consigo parar até terminá-lo", confidenciou Heijen. "É muito viciante, como um quebra-cabeça que eu quero completar. Sua precisão é incrível. A máquina CNC tem roteadores superpequenos, mas eu posso ter certeza de que todos os ângulos realmente funcionam, fazendo os testes ainda no software.

"Com o AutoCAD, você pode fazer muito mais do que um simples desenho no papel", continua ele, empolgado. "Posso dar vazão a todas as minhas ideias e torná-las reais."

guitar-red
Guitarra projetada com o AutoCAD. Cortesia da Red Layer Guitars.

Depois de se formar, Heijen trabalhou como assistente de professor por um ano e agora é instrutor técnico em período integral na escola. Uma de suas paixões é ajudar os alunos a descobrir o quanto podem fazer quando aprendem a usar o AutoCAD.

guitar-story
Jort projetando uma guitarra com LED no AutoCAD e a guitarra com LED finalizada.
guitar-red
Imagens cedidas pela da Red Layer Guitars.

"Quando meus alunos me procuram com ideias para um novo projeto e vejo que estão perdidos em meio a problemas matemáticos, cálculos de ângulos e visualização de distâncias, escalas e proporções, sugiro logo o AutoCAD", revela Heijen. "Eu mostro para eles como é fácil desenhar em 2D e como o programa pode ser usado para se ter uma ideia mais realista do projeto.

"Uma das melhores coisas é que o AutoCAD me obriga a ser o mais preciso possível, além de me desafiar a traduzir minhas ideias em um arquivo DWG", ressalta. "Meu processo de criação começa com uma ideia para o AutoCAD, que será executada na CNC. Em holandês, transformei isso no lema 'Van idee naar 3D', que significa exatamente 'Da ideia ao 3D'. A única diferença é que a frase rima em holandês!"

Com centenas, senão milhares, de projetos em seu currículo, Heijen está trabalhando duro para construir sua empresa, que está deslanchando rapidamente, a Red Layer Guitars. Recentemente, concluiu seu primeiro modelo para o varejo, que agora está à venda. Mas Heijen tem um objetivo ainda maior em mente: projetar uma guitarra totalmente inédita, top de linha e superleve. Para isso, pretende usar madeira de ziricote e um traste exclusivo e intrincado de madeira marchetada que lembra o estilo de M.C. Escher, um famoso artista gráfico holandês. Na verdade, sua concepção inicial do traste chamou bastante atenção nas mídias sociais, especialmente no Facebook.

Em uma oficina de 90 metros quadrados, que divide com outro projetista de guitarras, Heijen tem todas as ferramentas necessárias em um só lugar, desde a máquina CNC até uma cabine para aplicação de spray. E, é claro, esse conjunto de ferramentas inclui o AutoCAD.

"Não importa se estou na escola ou na oficina, sempre posso acessar meus arquivos no Autodesk 360", elogia Heijen. "E, com milhares de projetos e modelos, sempre poderei acessar todos eles, mesmo daqui a 10 anos. Cada um dos mínimos detalhes vai diretamente para o AutoCAD."

guitar-red guitar-red
Projeto da guitarra no AutoCAD, incluindo braço inspirado no artista M.C. Escher. Cortesia da Red Layer Guitars.

Aliás, a influência do AutoCAD na nova carreira de Heijen não para por aí. Até o nome da sua empresa foi inspirado pelo software.

"Estava preenchendo o formulário municipal de cadastramento da empresa e percebi que ainda não tinha escolhido um nome", conta Heijen. "Estava desenhando uma guitarra no AutoCAD e não era muito hábil no começo. Tinha desenhado algumas splines, mas ainda não sabia como convertê-las, então, as deixei em vermelho. Foi quando olhei para a tela e lá estava ela: uma camada vermelha (Red Layer) no AutoCAD. E Red Layer Guitars tornou-se o nome da minha empresa. É por isso que eu digo: O AutoCAD está realmente em todas as partes da minha vida."

Ver mais imagens da Red Layer Guitars

Dê o próximo passo!

Encontre a opção de assinatura que melhor se adequa à sua necessidade.

Solicite um contato

Veja os preços

Inscreva-se para receber novidades e promoções

Inscreva-se e receba atualizações por e-mail com ofertas especiais e as últimas novidades.

Inscreva-se agora
Inscreva-se para receber novidades e promoções
Inscreva-se e receba atualizações por e-mail com ofertas especiais e as últimas novidades.

Autodesk, Inc. • 111 McInnis Parkway • San Rafael, CA 94903

Autodesk, o logo da Autodesk, AutoCAD, AutoCAD LT, TrustedDWG são marcas registradas ou marcas comerciais da Autodesk, Inc., nos EUA e/ou em outros países. Todos os outros nomes de marcas, nomes de produtos ou marcas comerciais pertencem a seus respectivos proprietários. A Autodesk reserva-se o direito de alterar ofertas de produtos e serviços, especificações e preços a qualquer momento, sem aviso prévio, e não se responsabiliza por erros tipográficos ou gráficos que possam ocorrer neste documento.