• Brasil

    Nós o redirecionamos para uma página equivalente no nosso site local onde você pode ver preços e promoções locais e fazer compras on-line.

    Stay on our U.S. site

Keyboard ALT + g to toggle grid overlay

Os dados na construção estão mudando a maneira como são criadas as instalações de cuidado com a saúde

A Lexco está gerenciando a construção de um hospital de última geração na República Dominicana para servir à população local e a turistas de saúde de todo o mundo. O BIM (Building Information Modeling) e o uso de dados de desempenho para comparar KPIs em relação ao sucesso (com foco em pedidos de alteração e produtividade de trabalho) são fundamentais para atender às exigências de alta tecnologia da instalação de cuidados com a saúde. A abordagem da empresa está mudando o panorama da construção na República Dominicana e elevando o padrão para hospitais no Caribe e na América Central.

Líder no gerenciamento de construção no Caribe

Pioneira no uso de gerenciamento de construção, a Lexco foi fundada em 2007 na capital da República Dominicana, Santo Domingo, para fornecer serviços de engenharia, gerenciamento e construção na nação caribenha. Especializada em instalações de cuidado com a saúde, a experiência de construção e a liderança na indústria da Lexco se estendem para projetos de hospitais em todo o Caribe e a América Central.

Como veterana da indústria de construção, o fundador e presidente da Lexco Jorge López apresentou à República Dominicana a disciplina de gerenciamento de construções no fim dos anos 1990 e continua sendo um defensor de tecnologias de construção de ponta. Ele criou o caminho para a Lexco se tornar uma das principais autoridades locais em BIM com a construção do Centro Cardiovascular CEDIMAT na República Dominicana, o mais abrangente centro cardiológico na região do Caribe e um dos primeiros projetos no país criado usando a metodologia BIM.

A Lexco gerenciou a construção do Centro Cardiovascular CEDIMAT, de 30.000 pés quadrados, uma instalação de cuidados cardíacos em Santo Domingo que abriu em novembro de 2015. Cortesia da Lexco.

Construção de um hospital avançado para definir novos padrões de saúde na América Central

Nueva Ciudad Sanitaria Dr. Luis Eduardo Aybar, ou o Novo Hospital Luis Eduardo Aybar, foi desenvolvido como uma Instalação de última geração para substituir o obsoleto Hospital Aybar construído nos anos 1940. Os 12 edifícios do complexo de cuidados com a saúde, que inclui uma maternidade e hospital infantil, clínica cirúrgica, centro gastroenterológico, unidade de queimados e um centro de segurança e monitoramento, são distribuídos em 152.000 metros quadrados (cerca de 1,6 milhão de pés quadrados) e compõem o que será um dos mais modernos hospitais na América Central. “É um hospital enorme”, diz López. "Será o segundo maior na América Latina e Central.”

A nova instalação servirá tanto como um hospital público quanto um importante destino para turismo de saúde, projetado para atrair pacientes de outros países que buscam tratamento de alta qualidade a preços acessíveis. A construção precisa atender a rigorosos códigos médicos e normas definidos pela OMS (Organização Mundial de Saúde), pela Joint Commission International para certificação em segurança e qualidade de cuidados com a saúde e pelo American Institute of Architects (Instituto Americano de Arquitetos), entre outros. A Lexco sabia que o BIM seria crítico para a integração de dados com os processos de construção, materiais e equipamentos necessários para cumprir essas normas.

Renderização da clínica cirúrgica, um dos 12 edifícios no campus de cuidados com a saúde do Novo Hospital Luis Eduardo Aybar. Cortesia da Lexco.

Integração de todos com o BIM

Trabalhando em um consórcio com a Consmara, um empreiteiro geral local, e a Seminsa, um fornecedor de equipamentos médicos, a Lexco começou o gerenciamento da construção do novo Hospital Aybar em 2013, com López na função de diretor de projetos. Para um empreendimento tão grande e complexo, a consistência e a coordenação são fundamentais e, desde o início, a Lexco integrou o BIM no processo de projeto e construção para atender aos objetivos do projeto. Mas primeiro a empresa precisou superar a falta de familiaridade com o uso do BIM na região.

O compromisso da Lexco envolveu o treinamento de todas as 32 empresas subcontratadas de projeto e construção. Com a ajuda do Grupo TriArt, uma empresa de consultoria de BIM, revendedora local da Autodesk e centro de treinamento autorizado, as subcontratadas aprenderam o que é o BIM e como usar o Revit em processos de BIM. O que ajudou a alinhar os diversos participantes do projeto (o que incluiu também a comunidade médica, ministros do governo e até mesmo o presidente da República Dominicana) foi quando eles viram os resultados do uso de ferramentas e processos de BIM: como o processo de projeto foi mais rápido em comparação com a modelagem em 2D, como as informações do modelo de construção capacitariam seu trabalho, e o quanto eles poderiam reduzir os resíduos de construção e detectar erros onerosos antecipadamente.

Jorge López (à direita) conduz um grupo de participantes do governo em um tour do local de construção do novo Hospital Aybar. Cortesia da Lexco.

“Usando o Revit, o projeto foi muito mais rápido, pois todos os envolvidos podiam ver tudo no modelo ao mesmo tempo. Também foi uma questão de informações. Por exemplo, armazenamos informações sobre a resistência do concreto real de cada elemento no modelo BIM. Depois que eles viram as informações que poderiam ser colocadas no software, começaram a entender as vantagens de usá-lo.”

Jorge López, Fundador e Presidente, Lexco

  • Renderização do Revit do saguão do Hospital Maternidade Aybar.

  • Saguão do Hospital Maternidade em construção.

  • Renderização do Revit de uma instalação de teto para equipamento de AVAC.

  • Instalação do equipamento de AVAC concluída.

  • Renderização do Revit da instalação de um sistema hidráulico.

  • Instalação do sistema hidráulico concluída.

Fotos cortesia da Lexco.

Cumprimento de rigorosos códigos de cuidados com a saúde

O novo Hospital Aybar foi desenvolvido como um hospital público local que estará aberto a todos os residentes da República Dominicana. Mas havia expectativas adicionais para esta instalação pertencente ao governo: servir como destino de turismo de saúde para atrair pacientes de outros países. O BIM foi vital para atender às normas médicas e de arquitetura locais e internacionais, permitindo que as equipes de projeto integrassem dados com os processos de construção, materiais e equipamentos necessários.

López também observa que o novo Hospital Aybar "é o único Hospital na República Dominicana que está em conformidade com o Americans with Disabilities Act.” Superando esses requisitos, as instalações também adotaram pisos podotáteis com texturas variáveis para ajudar pessoas deficientes visuais a se deslocar pelos edifícios do hospital.

Além de atender a rigorosas normas médicas, a Lexco visa a alcançar os requisitos de nível LEED de sustentabilidade e eficiência de energia por meio de elementos como painéis de paredes externas que ajudam a melhorar a qualidade do ar interno em 25% e reduzir em 22% a energia mecânica, bem como janelas de vidro e partições que filtram raios X e raios UV prejudiciais.

Assista ao vídeo (3:13 min.): Trabalhadores no canteiro de obras do novo Hospital Aybar. Cortesia da Lexco.

Uso de dados de desempenho para comparar KPIs para o sucesso

Chave para o sucesso da empresa no longo prazo, a Lexco guarda dados e aprendizados de um projeto para o seguinte para obter melhores resultados. Para o projeto do novo Hospital Aybar, a empresa utilizou dados de seu trabalho no Centro Cardiovascular CEDIMAT para reduzir pedidos de alteração e diminuir o tempo no processo de aquisição. Utilizando o modelo de BIM para coletar e acompanhar as informações sobre todos os materiais e os produtos desde o início, a Lexco tem uma melhor capacidade de prevenir mudanças dos interessados. "Os arquitetos podem ver tudo instalado no modelo em 3D, algumas vezes até mesmo na cor final”, diz López, "então, não há tantas surpresas e ocorrem menos alterações.” Como a Lexco já sabe no início do processo exatamente de quais materiais e equipamentos precisará, pode solicitá-los muito mais cedo, reduzindo em 28% o tempo necessário para trazê-los para o canteiro de obras. “Itens com prazo de entrega longo, como ar condicionado, costumam levar de seis a oito meses. Agora, é possível receber o material dois ou três meses mais cedo”, diz.

A Lexco também acompanha o desempenho das equipes para avaliar os processos de trabalho e materiais mais eficientes. No caso do novo Hospital Aybar, esses dados ajudaram a Lexco a escolher o piso que seria mais econômico, ainda cumprindo as rigorosas normas médicas. A escolha foi o uretano, um revestimento de piso de polímero durável que pode suportar tráfego pesado e é contínuo o suficiente para estar em conformidade com as estritas exigências de higiene. “É um pouco mais caro que azulejos de cerâmica, mas o tempo de instalação é mais curto e o número de pessoas necessário para a instalação é menor”, diz López.

Definição de um novo padrão para gerenciamento de construção de hospitais

A construção do novo Hospital Aybar está progredindo e planeja-se a sua inauguração no fim de 2019. Após a construção, o modelo de BIM do projeto será utilizado para gerenciar as operações de construção. “Este é o primeiro projeto na República Dominicana e em todo o Caribe e América Central que utilizará um modelo de BIM não apenas durante o processo de projeto e construção, mas também no gerenciamento da instalação”, diz López.

O hospital já recebeu o reconhecimento da Organização Panamericana de Saúde, escritório regional da OMS para as Américas. “O presidente visitou o projeto para revisar o canteiro de obras e enviou uma carta parabenizando-nos pela conformidade com todas as normas da OMS”, diz López.

O novo Hospital Luis Eduardo Aybar eleva o padrão para instalações de cuidados com a saúde na região. A Lexco está aplicando as ferramentas e técnicas aprendidas em outros projetos, incluindo quatro hospitais no Panamá e outra na República Dominicana. A dedicação da empresa ao BIM ajudou a estabelecer novos padrões para práticas de gerenciamento de construção na República Dominicana, dando uma nova forma ao futuro da indústria da construção no Caribe e além.

O novo Hospital Luis Eduardo Aybar encontra-se no distrito Mejoramiento Social no nordeste de Santo Domingo, República Dominicana. Cortesia da Lexco.

Produtos relacionados